Fenasps

sábado, 02/04/2022

Governo diz às entidades dos SPFs que ‘não há negociação’, em reunião na SGP/Economia neste 1º de abril

O 1º de abril é conhecido em vários países do mundo, inclusive o Brasil, como um dia para se pregar peças nos outros, contando mentiras grotescas ou histórias estapafúrdias.

Coincidentemente, parece que o governo “pregou uma peça” no conjunto dos Servidores Públicos Federais (SPFs), cujas entidades representativas estavam presentes em uma reunião convocada pela Secretaria de Gestão de Pessoal do Ministério da Economia (SGP/ME) nesta sexta-feira, 1º de abril, em Brasília.

Representantes das entidades na reunião com o governo (crédito da foto: Sinasefe)

Na reunião, os representantes do governo alegam que não há “nenhuma capacidade de negociar” um reajuste salarial aos SPFs – o índice reivindicado é de 19,99%, para repor as perdas inflacionárias de 2019, 2020 e 2021 – devido ao Orçamento da União.

A conta não fecha

As entidades sindicais presentes, contudo, rebateram com o argumento de que dinheiro o governo possui, já que a Presidência da República cogitou conceder reajuste a um setor que representa apenas 45 mil funcionários, enquanto cerca de 1 milhão de trabalhadores do funcionalismo federal amarga ao menos cinco anos de congelamento salarial. A conta não fecha!

O governo afirmou que, havendo disponibilidade, poderá adequar o Orçamento até junho deste ano, mas condicionado – como foi afirmado em reunião no último dia 22 – à aprovação do Projeto de Lei de Crédito Suplementar (PLN nº 01) pelo Congresso Nacional.

Em resumo, a avaliação da Fenasps é de que não há, ainda, um processo de negociação de fato: em vez disso, as entidades apenas apresentam as pautas dos servidores(as) e o governo, repetidamente, afirma que “não há nada“. Por isso, a única saída para os trabalhadores(as) é manter e ampliar a greve por tempo indeterminado!

Nesse sábado, 2 de abril, o Fonasefe realiza uma reunião extraordinária para debater sobre os próximos passos que deverão ser dados em busca de uma reposição emergencial de 19,99%. O relatório do fórum sobre esta reunião deve ser divulgado em breve.

Para analisar a reunião no Ministério da Economia e passar os informes do Comando Nacional de Greve, a Fenasps realizou uma live na noite desta sexta, 1º. Assista abaixo:

Em busca de diálogo

Esta reunião, vale ressaltar, foi convocada para discussão do reajuste para o conjunto dos servidores federais. Porém, a Fenasps está buscando também a negociação da greve do INSS junto ao novo presidente da autarquia, Guilherme Serrano, e ao recém-empossado ministro do Trabalho e Previdência, José Carlos Oliveira.

A ideia é que a Fenasps cobre pontos específicos dos servidores do Seguro Social, em especial as pautas sobre a Carreira, Comitê Gestor, melhorias nas condições de trabalho, manutenção do orçamento de R$1 bilhão para o INSS, realização de concurso público para recomposição da força de trabalho, pactuação de metas, tarefas e o custeio das despesas do teletrabalho, dentre outras pautas.

O CNG/Fenasps registrou, além do INSS, adesão da greve nacional entre servidores(as) da Saúde Federal e do Ministério do Trabalho (carreira da Previdência, Saúde e Trabalho – CPST) e por isso a Fenasps vai buscar o atendimento das pautas específicas da CPST. A união faz a força!

Negociação, já!

Uma parte das caravanas (foto acima) que participaram das atividades do Ocupa Brasília se manteve na capital federal para acompanhar o resultado da reunião no Ministério da Economia. O recado dos trabalhadores(as) é: ‘negociação, já!‘. Confira nos vídeos abaixo:

A greve está crescendo e avançando: este é o caminho para que os trabalhadores busquem estas conquistas!

Juntos e juntas somos mais fortes! 💪🏽

Últimas notícias

segunda-feira, 26/09/2022 No dia 2 de outubro, lembre-se: servidor(a) não vota em traidor(a)! Falta menos de uma semana para as eleições que serão realizadas em 2 de outubro! E você, já escolheu seu candidato ou sua candidata? ...
segunda-feira, 26/09/2022 Faltam 6 dias para as eleições! Jair Bolsonaro é o maior inimigo dos servidores públicos e os Servidores(as) Públicos(as) Federais(as) precisam derrotá-lo! Durante o seu governo, os trabalhadores e trabalhadoras ...
sexta-feira, 16/09/2022 Confira o relatório detalhado da reunião com MTP, INSS e representantes do Ministério da Economia realizada nesta terça, 13 Nessa terça-feira, 13 de setembro, dirigentes da FENASPS participaram de uma audiência realizada no Ministério do Trabalho e Previdência, com a presença do ministro ...