Fenasps

terça-feira, 24/01/2023

Em cerimônia oficial no MPS, FENASPS reafirma que a Previdência Social é patrimônio dos trabalhadores

Nesta terça-feira, 24 de janeiro, data que marca o centenário da Previdência Social no Brasil, a FENASPS participou da cerimônia oficial referente à data, realizada no Ministério da Previdência Social (MPS), em Brasília.

Representaram a Federação as diretoras Laurizete Gusmão, Viviane Peres, Lídia de Jesus (na foto, da esquerda para a direita) e o diretor Carlos Roberto dos Santos, o Carlão.

Também participaram da cerimônia diversas autoridades do governo e parlamentares, dentre elas a presidente substituta do INSS, Larissa Mora, a presidente do Banco do Brasil, o vice-presidente da Caixa Econômica Federal e o representante da Organização Internacional do Trabalho (OIT), além da ministra da Gestão e Inovação no Serviço Público, Esther Dweck, e dos ministros da Previdência Social, Carlos Lupi, e do Trabalho, Luiz Marinho (fotos abaixo, da esquerda para a direita).

No evento, o MPS prestou homenagens com entrega de medalhas de mérito a organizações e pessoas físicas escolhidas pelo Governo. Além disso, o ministro Carlos Lupi assinou uma portaria (foto abaixo) que detalha novos procedimentos adotados pelo INSS para otimizar – a partir do cruzamento de dados – a comprovação da chamada “prova de vida” dos beneficiários da Previdência.

O ministro Carlos Lupi e a presidente substituta do INSS, Larissa Mora, com a portaria que trata sobre a ‘prova de vida’ dos beneficiários (fotos: Pedro Mesidor)

Apesar do clima festivo no ministério, a FENASPS ressalta – assim como fez em sua nota política divulgada nessa segunda, 23 – que mais do que comemorar, devemos lutar pela Previdência Social, o maior patrimônio da classe trabalhadora.

A Previdência vem sofrendo diversos ataques do sistema capitalista. É preciso lembrar que todos os governos, sem exceção, fizeram diversas intervenções e se apropriaram dos recursos dos trabalhadores e trabalhadoras para utilizar em todo o tipo de operação.

É momento da classe trabalhadora se fortalecer para reivindicar a revogação das contrarreformas trabalhista – Lei nº 13.467 – e da Previdência Social – Emenda Constitucional (EC) nº 103/2019 – , além da EC nº 95, que impõe um teto de gastos e investimentos públicos até 2036.

Os diretores da FENASPS presentes na cerimônia do MPS, em Brasília, fizeram um resumo da atividade, colocando a importância dos 100 anos da Previdência Social, completados neste 24 de janeiro, data que marca ainda o Dia Nacional do Aposentado e da Aposentada.

Assista abaixo:

A Previdência Social é o maior patrimônio da classe trabalhadora!

Precisamos lutar por ela!

Últimas notícias

terça-feira, 31/01/2023 Plantonistas da FENASPS buscam informações junto ao INSS sobre a compensação da greve de 2022, devolução de 2009 e BMOB/TERF Devido a várias demandas vindas dos estados, na tarde dessa segunda-feira, 30 de janeiro, representantes do Plantão da Diretoria Colegiada da FENASPS solicitaram uma ...
terça-feira, 31/01/2023 Por reajuste salarial, entidades dos SPFs realizam Dia Nacional de Mobilização. Veja como foi Nesta terça-feira, 31 de janeiro, ocorreu a primeira mobilização nacional de Servidores Públicos Federais deste ano de 2023. O Dia Nacional de Mobilização (card ...
terça-feira, 31/01/2023 Fenasps participa de reunião com ministra de Gestão em 30/01, discutindo a retomada das negociações As entidades FONASEFE e FONACATE apresentaram as reivindicações dos/das Servidores e os pontos discutidos nos respectivos fóruns. Apesar de não estar previsto, teve a ...