Fenasps

terça-feira, 25/10/2022

Com desmonte do SUAS, Bolsonaro demonstra não se importar com combate à exploração de sexual de crianças

Gráfico demonstra desmonte total do SUAS com uma redução de cerca de 99% na verba para serviços de proteção especial (imagem: reprodução Fonasefe)

Caso recente e corte de verba para o Sistema Único de Assistência Social (SUAS) evidenciam a falta de compromisso do presidente Bolsonaro em combater a pedofilia e exploração sexual de crianças e adolescentes.

Para defender sua tese lunática, baseada em mentiras e no medo, Bolsonaro, sugere que existiria um local de prostituição de menores venezuelanas na periferia de Brasília. O local, na verdade, abrigava uma ação social com aulas de estética.

Bolsonaro desrespeitou as mulheres e mostrou mais uma vez seu péssimo comportamento como um agente público, ao narrar o que seria um ato de prevaricação diante de um caso de exploração sexual de menores.

O BRASIL NÃO MERECE UM PRESIDENTE QUE ACHA QUE “PINTOU UM CLIMA” QUANDO VÊ “MENINAS DE 14, 15 ANOS. ARRUMADINHAS E DE BANHO TOMADO”.

Fora Bolsonaro!

Últimas notícias

segunda-feira, 22/05/2023 FENASPS e entidades do Fonasefe realizam mais um ato contra o novo arcabouço fiscal. É nesta quarta, 24/05! A FENASPS e demais entidades do Fonasefe deliberaram pela realização de mais um ato contra o novo Arcabouço Fiscal, a ser realizado nesta quarta-feira, ...
sexta-feira, 19/05/2023 Três momentos em que a estabilidade dos Servidores(as) Públicos(as) defendeu o Brasil! A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) nº 32, projeto que desmantela o serviço público e acaba com a estabilidade do servidor público, voltou ...
sexta-feira, 19/05/2023 FENASPS participa da abertura do XXIV Congresso da Fasubra A FENASPS participou, nessa quarta-feira, 17 de maio, da abertura do XXIV Congresso da Federação de Sindicatos de Trabalhadores Técnico-administrativos em Instituições de Ensino ...