Fenasps

quinta-feira, 29/10/2015

Para conter fraudes, governo suspende por 120 dias seguro defeso

1

Justificativa para suspensão do benefício é o recadastramento dos pescadores artesanais

 

Depois de assumir o comando da Secretaria da Pesca, a ministra da Agricultura, Kátia Abreu, suspendeu o período de defeso por 120 dias para coibir fraudes na concessão do seguro pago aos pescadores durante o período de reprodução em que a pesca é proibida. O prazo pode ser prorrogado.

 

A medida faz parte do ajuste fiscal do governo para garantir economia de gastos e reduzir o desequilíbrio fiscal das contas públicas brasileiras. Com o seguro defeso, os pescadores recebem um salário mínimo do governo federal por mês durante toda a temporada de suspensão da pesca.

 

Confira a matéria completa no clipping Fenasps desta quinta-feira, 29 de outubro de 2015.

 

Últimas notícias

quinta-feira, 19/01/2023 Com participação da FENASPS, centrais sindicais se reúnem com ministro da Previdência nesta quinta, 19 Na manhã desta quinta-feira, 19 de janeiro as maiores centrais sindicais do país se reuniram em audiência com o ministro da Previdência Social, Carlos ...
quinta-feira, 19/01/2023 FENASPS se reúne com representantes do MDS para tratar sobre INSS Nessa quarta-feira, 18 de janeiro, representantes da FENASPS estiveram reunidos em audiência realizada no Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à ...
quarta-feira, 18/01/2023 A convite da CSP/Conlutas, FENASPS participa da reunião das centrais com o presidente Lula da Silva A FENASPS participou, a convite da CSP/Conlutas, da reunião das centrais sindicais com o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, realizada nesta ...