Fenasps

quarta-feira, 01/04/2015

31 de março é um dia para lamentar

1

 

 

Num país, algumas datas são para celebrar. Outras, para lamentar. O dia 31 de março é para lamentar.

 

Há 51 anos, uma conspiração destruiu uma democracia com o argumento cínico de que estava exatamente preservando a democracia. O que havia de mais atrasado na sociedade da época se juntou na trama: militares, CIA, políticos conservadores e grandes empresários do jornalismo, como os Mesquitas, Roberto Marinho e Octavio Frias de Oliveira.

 

A administração que nasceu dessa aliança foi um colosso da inépcia. O Brasil piorou dramaticamente – excetuado o pequeno grupo que tomou conta do Estado.

 

Confira o artigo completo no clipping Fenasps especial sobre os 51 anos do golpe militar de 1964.

Últimas notícias

quarta-feira, 11/05/2022 No 50º dia da greve, servidores do Seguro e Seguridade realizam atos em Brasília A Greve na base do Seguro Social (INSS) e da Seguridade Social (Previdência, Saúde e Trabalho – CPST), deflagrada no último dia 23 de ...
segunda-feira, 09/05/2022 Comunicado do CNG/Fenasps: informes da mesa de negociação No último dia 23 de março, os(as) trabalhadores(as) da Carreira do Seguro Social (INSS), e da Seguridade Social (Previdência, Saúde e Trabalho – CPST) ...
sexta-feira, 06/05/2022 Fenasps busca resolução para reivindicações dos servidores da Saúde em reunião na Cogep/MS A Fenasps participou, nessa quarta-feira, 4 de maio, de uma reunião com a Coordenadora-Geral de Gestão de Pessoas do Ministério da Saúde (Cogep/MS), Danielle ...