Fenasps

quarta-feira, 25/09/13

Apenas 10% dos planos de saúde satisfazem o consumidor

1

Crédito da foto: Monique Renne/Correio Braziliense

 

Em meio à batalha judicial iniciada pelos grandes planos de saúde para reverter as punições que suspendem a venda de convênios no país, o presidente da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), André Longo, diz que o órgão brigará na Justiça, sem trégua, para manter o atual método de cálculo e avaliação das infrações.

 

A intenção é prosseguir com a suspensão da venda de 212 planos de 21 operadoras [dentre elas a Geap], que não conseguiram atender seus consumidores dentro de prazos estabelecidos pela legislação e acumulam reclamações como a negativa de cobertura. A medida está sub judice, o que prejudica os consumidores, que continuam comprando planos de péssima qualidade e, pior, pagando caro. “Podemos e devemos reverter esse processo na Justiça”, sustenta o executivo.

 

Confira a matéria completa no clipping Fenasps desta quarta-feira, 25 de setembro.

 

Últimas notícias

segunda-feira, 29/11/21 Vamos ocupar as ruas em 8 dezembro – Dia nacional de luta        Na luta em defesa das conquistas dos trabalhadores e trabalhadoras e contra as PEC 23 Calote e 32 Desmonte do Estado, as Centrais ...
segunda-feira, 29/11/21 NOTA DE FALECIMENTO – GUIDO SILVA A diretoria da FENASPS com pesar comunica o falecimento de Guido Silva, assassinado ontem na cidade de Areia Branca RN. E filho do nosso ...
sábado, 27/11/21 Fenasps e Fonasefe realizaram intensas atividades na luta contra PEC 23 – calote nos precatórios e a PEC 32 contrarreforma administrativa Numa luta sem tréguas para derrotar os projetos que desmontam do Estado, a emenda constitucional 32 e a trambicagem da PEC 23 que pretende ...