Fenasps

quarta-feira, 25/09/13

Apenas 10% dos planos de saúde satisfazem o consumidor

1

Crédito da foto: Monique Renne/Correio Braziliense

 

Em meio à batalha judicial iniciada pelos grandes planos de saúde para reverter as punições que suspendem a venda de convênios no país, o presidente da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), André Longo, diz que o órgão brigará na Justiça, sem trégua, para manter o atual método de cálculo e avaliação das infrações.

 

A intenção é prosseguir com a suspensão da venda de 212 planos de 21 operadoras [dentre elas a Geap], que não conseguiram atender seus consumidores dentro de prazos estabelecidos pela legislação e acumulam reclamações como a negativa de cobertura. A medida está sub judice, o que prejudica os consumidores, que continuam comprando planos de péssima qualidade e, pior, pagando caro. “Podemos e devemos reverter esse processo na Justiça”, sustenta o executivo.

 

Confira a matéria completa no clipping Fenasps desta quarta-feira, 25 de setembro.

 

Últimas notícias

terça-feira, 12/01/21 Demissão de 5 mil trabalhadores do BB é mais um ataque do governo ao Serviço Público O Banco do Brasil anunciou nessa segunda-feira, 11 de janeiro, um programa de reestruturação que significa mais um passo na sua privatização. Entre as ...
segunda-feira, 11/01/21 A vacina produzida pelo Butantan é uma vitória do Serviço Público! Muitos estão comemorando o alto índice de eficácia da vacina CoronaVac desenvolvida pelo Instituto Butantan, que trabalhou em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac. ...
sexta-feira, 08/01/21 Brasil ultrapassa 200 mil mortes por Covid-19. Vacinação, já! No mesmo dia em que o Brasil ultrapassou a marca de 200 mil mortes por COVID-19 (esta quinta-feira, 7 de janeiro), registramos um recorde ...