Fenasps

quarta-feira, 09/05/12

Mais uma ação do capital latifundiário urbano para derrotar a luta dos trabalhadores

Juíza aplica multa de R$ 50 mil por dia ao MTST!

A Juíza Bárbara Carola Cardoso de Almeida, da Segunda Vara de Embu das Artes, acrescentou mais uma decisão absurda e ofensiva aos movimentos sociais à lista do Judiciário brasileiro.

Em sentença publica no último dia 7 de maio, esta senhora definiu pela proibição da construção de moradias na área atualmente ocupada pelo MTST, onde está instalado o Acampamento Novo Pinheirinho de Embu. Esta decisão já era esperada, dada a parcialidade e falta de bom senso com que a juíza conduziu o processo desde 2006. Espera-se que o Tribunal de Justiça corrija tal decisão.

 

Confira a matéria completa no clipping Fenasps de hoje.

 

 

 

Logo Fenasps

Últimas notícias

sexta-feira, 15/01/21 Covid-19: governo Bolsonaro é responsável pelo estado de calamidade em Manaus, diz MPF A capital do Amazonas, Manaus, vive um drama. Não há mais oxigênio hospitalar e leitos suficientes para os pacientes de COVID-19. Os necrotérios estão ...
sexta-feira, 15/01/21 Vacina para todos: um direito dos brasileiros! O negacionismo do governo, diante da maior pandemia deste século, em apenas 10 meses provocou uma tragédia terrível no Brasil, com 208 mil mortos ...
quinta-feira, 14/01/21 Fenasps convoca todos(as) à luta neste 24 de janeiro – Dia Nacional do Aposentado(a)! Em reunião nesta quinta-feira, 14 de janeiro, o Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Públicos Federais (Fonasefe), do qual a Fenasps faz parte, aprovou ...